Como fazer produção em série no teu atelier!

Olá Estilisete!

Tu sabe como organizar um sistema fordista de produção no teu atelier? Vou te contar abaixo!

(Se tu preferir assistir ao invés de ler, aqui está o vídeo que gravei para o YouTube: Clique aqui!)

Quem trabalha com costura ou artesanato tem que estar bem preparada para assumir grandes encomendas. Não tenha aquele pensamento pequeno "Ah, mas eu tenho poucos clientes" ou "só atendo consumidor final, e eles sempre pedem poucas peças de cada modelo".

Um dia, uma bela oportunidade pode bater a tua porta, e aí tu vai dizer que "não pega" aquele serviço porque é grande demais? JAMAIS FAÇA ISSO! Isso é fechar as portas para uma coisa que talvez tu tenha batalhado muito para atingir: a divulgação da tua marca!

Se tu não tem estrutura (e aqui não me refiro a espaço físico, mas sim a: equipe, matéria prima, fornecedores, além de know-how) tu nunca vai estar pronta para encarar um grande trabalho. E se tu quer ganhar mais dinheiro, tu NÃO pode ter pensamento pequeno!

Neste mês, trabalhei numa encomenda gigante para a Páscoa: tive que entregar 2.500 unidades de máscaras de coelho - e já é a terceira vez que esse mesmo cliente contrata a EstiLisot, cada ano aumenta mais a quantidade.

Provavelmente tu já ouviu falar ou até já trabalhou com a famosa "produção em série". Mas eu vou te mostrar alguns detalhes para quem trabalha com artesanato ou costura, que só consegui aprender depois dessa encomenda em especial. Bora falar sobre isso? Quero te passar todos os macetes que reuni - porque melhor do que aprender errando, é aprender com o erro dos outros!