February 20, 2019

Please reload

Recent Posts

Rainbow Hair

November 1, 2017

Não é de agora que a onda dos cabelos coloridos saiu das passarelas e palcos para invadir as ruas. 

Há algumas estações, as cores fantasia estão fazendo a cabeça da mulherada - e de todas as idades! Tenho visto algumas vovozinhas - todas "vestidas de senhorinhas" e com o cabelo chocante. Acho o máximo isso - E acredite, é aqui no Brasil mesmo!!

Eu aderi a essa onda quando tinha 12 anos. Foi num final de semana em que minha mãe viajou, e meu pai - que sempre apoiou minhas loucuras - me levou no salão e deixou eu fazer o que eu quisesse #PensaNumaAdolescenteFeliz! Fiz a franja de roxo.

Lembro de ter passado horas no salão para sair com aquela cor vibrante e linda. Parecia um sonho realizado. Porém, durou muito pouco: foram quatro lavagens para sair a tinta por completo - e duas para ficar feio! Uma cor de burro quando foge. Passei pelo tom roxo-misturado-com-loiro-desbotado até chegar no loiro-piupiu. Uó!

Aquilo me deixou desanimada para fazer novamente por que era tanto trabalho para ficar bonito por pouco tempo. Acabei aproveitando a mecha descolorida para ir aplicando várias cores em casa mesmo, com a famosa técnica do papel crepom. E assim fui brincando até aquela mexa cor de gema crescer e vazar da minha cabeleira haha!

 

Enfim, acabei abortando a missão de ser colorida e vibrante, já que aquilo não passava de 10 dias e muito dinheiro investido.

 

Vinte anos mais tarde me deu a louca novamente e lá fui eu para tinta roxa mais uma vez! Só que mudei a técnica: desta vez ela durou três meses sem precisar de retoque! Falarei sobre isso logo mais.

Fui mais sensata e não fiz na franja. Escolhi algumas mechas internas, na parte de trás. Coisa de quem vai com medinho mesmo #blé!

Resultado: passaram-se alguns meses e eu voltei lá para fazer MAIS e ainda coloquei outras cores.

 

 Um ano depois resolvi virar um unicórnio todo colorido olha só como ficou!!

 

 

 

Talvez você nunca tenha visto esse tanto de cor no meu cabelo, porque de frente sou uma professora normal com cabelo castanho e cara de mãe de família (risos) 

Mas quem me olha de costas, ou quando prendo o cabelo, é possível ver toda essa coisa maluca - e linda.

 

COMO FAZER A TINTA DURAR MAIS

 

Agora vou contar o que eu faço no meu cabelo para que a tinta dure mais.

Na verdade eu não uso tinta própria para cabelo... Aplico anilina de madeira que é encontrada em ferragens e custa muito barato. (Momento para você respirar e ler novamente) Calma, eu sei que isso pode parecer bem estranho e a pergunta que deve estar na tua mente é "Não estraga o cabelo??" 

 

Bom, vamos lá: 

Isso foi um macete que meu próprio cabeleireiro ensinou.

Claro que vai ter química. Mas o que danifica na verdade não é o corante que colocamos, e sim a parte da despigmentação do fio.

Por exemplo, meu cabelo, que é bem escuro, precisa de horas ali no pó descolorante. Isso é o que estraga e enfraquece. E para aplicar qualquer cor, é necessário esse processo, caso contrário, a tinta NÃO PEGA. (É como querer escrever com caneta branca numa folha preta). Ou seja, de qualquer maneira ia prejudicar o fio.

 

 

 

Compro esta anilina de madeira, que vem em pó, e misturo bem pouquinho em um bom creme de hidratação. Faço tudo com pincel de artista mesmo haha! Não tenho nenhum aparato de cabeleireiro... prendo as mechas com piranha, uso luvas e forro o banheiro com jornal. Essa parte é muito importante, porque onde pingar a mistura, já era!

Claro que quando invento essa loucura de muitas cores prefiro fazer no salão porque é muito difícil fazer contorcionismo para alcançar as mechas de trás.

 

 

COMO HIDRATAR AINDA MAIS

 

Agora outro segredinho caseiro e barato para dar um power na hidratação: misturo algumas gotas de azeite de oliva extra virgem. Não tem medida exata, foi um lance aprendido na internet e comigo dá certo.

 

DICAS PARA QUEM QUER SE AVENTURAR NAS CORES

 

1. Inicie por mechas na parte interna da cabeça de maneira que elas apareçam quando você prender o cabelo. 

Isso vale para quem ainda não adquiriu total coragem, quanto para quem tem um trabalho mais formal e não pode ter um visual muito maluco. Feito isso, muito cuidado porque eu tenho certeza que você vai viciar nessa loucura de ter cabelos divertidos e a tendência é só aumentar as mechas! 

 

2. Se você é loira, já tem uma vantagem: não necessitar descolorir #MeuSonho! Te indico comprar tinta de cabelo para você se "auto testar". Existem algumas que nem precisa preparar, já vem pronta e é só aplicar. Se achar que não combinou, não precisa entrar em desespero: lave o cabelo todo dia que ele logo vai voltar ao normal.

 

3. Outra sugestão que dou é começar aos poucos, com uma cor fantasia "de leve". Veja alguns exemplos:

Já faz três anos que tenho o cabelo assim e lastimo não ter descoberto a anilina antes :(  #20anosDeCabeloMonótono!

Eu ainda não fiz toda a cabeça devido a um único motivo: não sou frequentadora assídua de salões de beleza - nem pretendo ser! Não quero ser escrava e ter que retocar a raiz todo santo mês. Vou deixar isso para quando eu precisar mesmo pintar os brancos - porque por enquanto só os arranco (segredo!) Ou talvez eu fique colorida de vez. Uma vovozinha bem autêntica! Será?

 

E aí, te pilhou?

Me manda foto para eu ver como ficou tua peruca!

Um beijo colorido, 

Elisa Lisot

Please reload

EstiLisot Moda Escola

CNPJ: 13.818.461/0001-18 

Prazo de entrega da EstiliShop: até 7 dias úteis após a confirmação do pedido do(os) produto(os)